Cada Dia

04 de Julho de 2015

O MEU AMIGO É IMORTAL


“... o Rei dos reis e Senhor dos senhores; o único que possui a imortalidade, .... A ele honra e poder eterno”
1Tm 6.16


Na unidade de Cuidados Paliativos do hospital fico triste em acompanhar pacientes em seus últimos momentos de vida. Eles revelam o saldo de toda a sua existência, suas crenças, valores e o legado que estão deixando. Para vários deles, o fim de sua história é muito triste! Diante de nossa finitude, a vida fica sem sentido quando não temos uma direção divinamente dada, e um amigo que seja maior do que nós mesmos e nos mostre outra dimensão do pós-morte, dando propósito ao nosso viver.

Mas o nosso Deus é imortal. Ele não tem fim. Dele vem a certeza da imortalidade da alma humana. Nossos corpos vivem em “tendas” temporais e frágeis, mas a vida não acaba com a morte. O eterno Deus, imortal, vive para sempre e é ele quem nos oferece vida eterna. Sabendo que um dia teremos de prestar contas a ele sobre cada um de nossos atos. Vivamos, portanto, de modo a ter alegria quando formos encontrá-lo, pois a bondade e o amor do Senhor estarão sempre conosco, a cada dia de nossa vida, e habitaremos na casa do Senhor eternamente.

Precisamos ouvir o conselho de Paulo: “Combate o bom combate da fé. Toma posse da vida eterna...” (1Tm 6.11,12).

Referência para leitura: 1 Timóteo 6.11-16