Cada Dia

01 de Outubro de 2014

SALVAÇÃO, OBRA DE DEUS


“Amados, agora, somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que haveremos de ser...”
1Jo 3.2


A salvação é obra de Deus do começo ao fim. Com respeito à salvação podemos afirmar que já estamos salvos, estamos sendo salvos e seremos salvos. Com respeito à justificação já fomos salvos; com respeito à santificação estamos sendo salvos e com respeito à glorificação seremos salvos. A justificação é um ato legal e forense. Trata-se do que Deus fez por nós em vez do que ele fez em nós. A justificação é uma declaração de Deus, feita no tribunal de Deus, isentando-nos de culpa, por causa do sacrifício substitutivo de Cristo na cruz em nosso favor.

A santificação é um processo que começa na conversão e vai até à glorificação. Nesse processo, Deus, pelo Espírito, nos transforma de glória em glória na imagem de Cristo e esculpe em nós a beleza do seu Filho unigênito. A glorificação é um ato futuro, que se dará na segunda vinda de Cristo, quando Deus transformará o nosso corpo de humilhação num corpo novo, semelhante ao corpo da glória de Cristo.

Na justificação somos livres da condenação do pecado; na santificação, do poder do pecado, e na glorificação, da presença do pecado. Embora já estejamos salvos, ainda não estamos glorificados, pois aguardamos a manifestação da vinda de Cristo, quando, então estaremos com ele para sempre e seremos como também ele é.

Referência para leitura: 1 João 3.1-24