Cada Dia

21 de Dezembro de 2014

O AGENTE DA RECONCILIAÇÃO


“Ora, tudo provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo...”
2Co 5.18


O pecado foi a maior tragédia que aconteceu na história humana. Afastou o homem de Deus, do próximo, de si mesmo e da natureza. O homem, tendo plena comunhão com Deus, tornou-se inimigo de Deus e virou as costas para ele. Deus, porém, jamais desistiu de amar o homem e de buscá-lo para si. A reconciliação é uma iniciativa divina. Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo. O ofendido é quem procura o ofensor. Mas como Deus nos reconciliou consigo?

Primeiro, Deus não colocou em nossa conta a nossa dívida. Deus não levou em conta as nossas transgressões. Porque nossa dívida é impagável, jamais poderíamos ser salvos pelo nosso esforço. Segundo, Deus colocou a nossa dívida sobre Jesus. Aquele que não conheceu pecado, Deus o fez pecado por nós. Quando Jesus estava na cruz, como nosso representante, Deus lançou sobre ele a iniquidade de todos nós.

Ele foi feito pecado por nós. Ele carregou nossos pecados sobre o seu corpo no madeiro. Na cruz, porém, ele esmagou a cabeça da serpente, pegou o escrito de dívida que era contra nós, quitou-o e deu um brado de vitória: Está consumado! Terceiro, Deus colocou a justiça de Jesus em nossa conta, pois em Cristo fomos feitos justiça de Deus. Todo aquele que está em Cristo está livre de condenação.

Referência para leitura: 2 Coríntios 5.18-21